O Bambu e o Reiki - O Sol Interior®
Bambu

O Bambu e o Reiki

Se existe algo que pode simbolizar o Reiki na perfeição é o Bambu. Se o estudarmos um pouco, vamos ver muitas correlações com o Reiki, ora vejamos:

É uma planta que tem uma grande simplicidade, resistência, vazio e perfeição, o que simboliza a energia Reiki.

O Bambu é flexível, apesar de forte. Quando o vento o atinge, ele dobra-se ao invés de partir. Ao dobrar-se, está a mostrar-nos que quanto menos um Ser se opuser à realidade da vida, mais resistente se tornará para viver em plenitude. Isto mostra-nos que temos de ser flexíveis e não “ir contra o rochedo”, mas sim contorná-lo. Os obstáculos que nos são colocados à frente são para ser contornados.

O Bambu é forte, serve para a construção de móveis, barcos, canas de pesca, etc., ou seja, simboliza todos os que recebem as Iniciações de Reiki que tendem a ficar fortes e resistentes! O Reiki actua de forma profilática, fortalecendo a nossa energia e aumentando as nossas resistências. É comum alguém que é iniciado em Reiki se tornar menos susceptível a gripes no inverno, por exemplo.

Entre um nó e outro, o Bambu é oco e vazio, tal como vazio é o espaço entre o Céu e a Terra, representando os que escolheram ser canais de energia Reiki, que passaram a funcionar directamente para a Energia Cósmica Universal.

A perfeição do Bambu ao projectar-se para o alto, bem como os seus nós, simbolizam os diferentes estágios do caminho, simbolizam o objectivo do nosso caminho interior, a nossa evolução, crescimento.

No Japão, o Bambu é uma planta de bons auspícios, ou sorte. Pintar o Bambu pode ser considerado uma arte, bem como um exercício espiritual. Nalgumas culturas africanas, o Bambu é símbolo de alegria, felicidade de viver sem doenças e preocupações.

É interessante verificar-se como toda esta simbologia está ligada aos Cinco Princípios do Reiki e a toda a sua filosofia.

Deixar uma resposta

*

error: Conteúdo Protegido!